Exercícios cardiovasculares: antes ou depois da musculação?

Escolha depende dos objetivos de quem treina

No momento de planejar uma rotina de treinos na academia, é importante estabelecer atividades que atendam às suas necessidades. E isso envolve decidir se os exercícios cardiovasculares devem ser feitos antes ou depois da musculação. Não existe um jeito certo ou errado, mas estabelecer como essa ordem acontece pode influenciar nos resultados finais.

BAIXE AGORA - CHECKLIST: AUMENTE SEU DESEMPENHO NA MUSCULAÇÃO

A seguir, mostramos como os exercícios aeróbicos agem em cada momento, seja antes ou depois da musculação.

Cardio antes da musculação

Para quem busca aumentar a resistência, essa é a ordem de atividades mais indicada. Iniciando pelos exercícios cardiovasculares, o corpo estará mais descansado e pronto para realizá-los com a intensidade correta. Seguir esta sequência também é uma ótima alternativa para ganhar mais disposição, já que os movimentos aeróbicos liberam maior quantidade de endorfina, substância que provoca sensação de prazer e bem-estar.

No entanto, atividades como correr ou pedalar, dependendo da intensidade, podem levar a menos cargas no treino de força. Assim, a musculação se torna um trabalho físico complementar.

Musculação primeiro, exercícios cardiovasculares depois

Começar pela musculação é uma forma de extrair mais rendimento do corpo, que estará descansado e permitirá chegar próximo a seu limite. Por isso, esta ordem de treino é indicada tanto para quem busca ganhar força e aumentar a massa muscular como para quem tem o objetivo de emagrecer. Isso acontece porque depois de usar o glicogênio no exercício de força, o corpo passa a utilizar a gordura como energia para as atividades aeróbicas e, consequentemente, reduz a gordura corporal.

SAIBA MAIS: CINCO DICAS PARA ADEQUAR OS EXERCÍCIOS A SEUS OBJETIVOS

 

Treino intercalado

Estruturar bem o seu treino ajuda a intensificar os resultados. Por isso, uma alternativa para quem busca perder peso é intercalar musculação e atividade cardio em sequências. Ou seja, fazer uma série de até dois exercícios de musculação, depois correr ou pedalar em ritmo intenso, pelo tempo determinado pelo professor, e repetir isso quantas vezes ele indicar.

Independentemente dos objetivos, o ideal é sempre conversar com o treinador para definir a ordem, quantidade e intensidade, sejam exercícios de musculação ou cardiovasculares.

palco